– dietas restritivas + mudanças de hábitos

Eu era o tipo de pessoa que se tivesse uma barra de chocolate, precisava comer a barra inteira de uma vez. Que se estava seguindo uma reeducação alimentar e comesse uma pizza, não levava em consideração tudo que havia conseguido até ali, simplesmente desistia de levar um estilo de vida saudável. Que quando começava uma alimentação saudável, eliminava todos os alimentos que gostava, por exemplo, o hambúrguer, a pizza, o chocolate. Não existia um equilíbrio, era literalmente o 8 ou 80: ou fazia uma dieta restritiva, ou continuava com meus hábitos ruins. Foram incontáveis as vezes frustradas que tentei mudar meu estilo de vida, e acabei desistindo. Até que entendi que antes de querer mudar qualquer hábito, é preciso começar essa mudança na mente.

Querer seguir uma vida saudável, significa que você quer equilíbrio. Porém, quando você faz isso de forma restritiva, uma hora ou outra, você volta para os seus antigos hábitos. Não adianta amar chocolate e fazer uma dieta restritiva que te faz cortar o chocolate. Você pode ficar um dia, dois sem comer. No entanto, no terceiro, você vai comer uma barra. A mudança de hábito de forma saudável, não te faz cortar nada do seu cardápio. Você pode comer chocolate, pizza, pão e tudo que você gosta. Porém, de uma forma diferente. Pensando nisso, pensei em compartilhar 5 hábitos que mudei e que estão me fazendo ter uma qualidade de vida extremamente melhor e, que como consequência, me fizeram perder 2kg em quinze dias.

Beber mais de 2 litros de água por dia. Pasmem: eu bebia em média 2 copos de 200ml por dia de água. Esse foi o primeiro hábito que decidi mudar, hoje tomo no mínimo dois litros de água por dia.

Me exercitar pelo menos 3 vezes por semana. Eu e meu marido amamos caminhar, é um momento do dia que tiramos para cuidar da gente e conversar. Não levamos celular. Caminhamos pelo menos quatro quilômetros por dia. O ideal é fazer um exercício que você goste: pode ser caminhada, corrida, andar de bicicleta, dançar, crossfit, academia.. o que não falta são opções para você não ficar parado.

Comprar mais frutas, legumes e verduras. Quando ia no supermercado, enchia o carrinho de bolacha recheada, chocolate, salame, salgadinhos. Agora tento ter equilíbrio: se estou com vontade de comer um chips x, eu compro.  Mas também compro frutas, legumes e verduras. Diminui a quantidade de doces e embutidos, e aumentei a quantidade de produtos naturais na minha compra.

Trocas saudáveis. Não adianta comprar um chocolate diet, se você não vai matar a sua vontade de comer chocolate com ele. Nesse caso, é preferível comprar seu chocolate favorito e comer menos do que você comeria normalmente. Fiz as seguintes trocas por aqui: ao invés de comprar as barras de chocolate de 90g que eu comprava, optei por comprar a opção pequena do chocolate. Eu amo pão francês, mas também amo pão integral e torrada integral, então passei a comprar mais pão integral e torrada. Ao invés de comer o pão francês todos os dias, eu intercalo entre ele e as outras opções. E assim por diante.

Seguir pessoas com o mesmo hábito que o que eu quero. Quando sigo pessoas que levam uma vida saudável, com uma alimentação equilibrada, logo me motivo a continuar no meu percurso. Além disso, é uma forma de anotar dicas, descobrir receitas e coisas que não sabia antes.

Como você define o seu estilo de vida hoje?

Espero muito que vocês gostem, um super beijo e até o próximo post!

41 Comentários

  • Chris Ferreira

    Oi Kaila, eu sei bem o que é isso de começar um barra de chocolate e ter que comê-la inteira. Sou bem assim e nessa quarentena, nesse isolamento está pior. A ansiedade aperta e parece que eu tenho que comer todos os meus sentimentos e emoções.
    As suas dicas são ótimas. Estou fazendo isso de beber muita água. Já encho uma garrafa de um litro e meio pela manhã e deixo em cima da minha mesa, bem a minha frente. Assim no início da tarde já acabei com ela e encho novamente. Também tenho andado na esteira diariamente. Escolho uma série e vejo um episódio a cada caminhada. Tem sido ótimo. Compro as melhores opções para ter em casa. O problema agora é segurar a onda e não pedir no iFood as besteira na hora que bate a ansiedade.
    Muito obrigada pelas dicas.
    beijos
    Chris

    Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook / Pinterest

    • Kaila

      Simm, não é fácil mudar nossos hábitos, pelo contrário. Mas, o importante é manter a constância. Não devemos abrir mão do que gostamos de comer, porém, também precisamos comer aquilo que vai nutrir o nosso corpo. ❤

  • Silvana Crepaldi

    Olá, Kaila.
    Falou tudo. Já passei muito por isso na minha vida. Depois acabava comendo mais ainda do que se tivesse comido regularmente. Acredito que o equilibrio é tudo. Comer de tudo em menor quantidade.

    Prefácio

  • Tay Ribeiro

    Amei o post. Faz um tempo que estou procurando formas de perder peso, entretanto, eu nunca consigo criar hábitos de alimentação e rotina saudável e acabo fazendo dietas restritivas que não fazem efeito a longo prazo. O que aprendi até agora foi saber reconhecer quando estou com fome de verdade ou quando quero comer só por comer mesmo e está me ajudando muito.
    Queria muito fazer exercícios, mas morro de vergonha de ir para a academia ou fazer algo na rua mesmo.
    beijos

    • Kaila

      Não tenha vergonha. Pense no bem que isso irá te fazer. O mundo não para por nossa causa, e nós não devemos ficar parados por nada. Só comece. Verá que a sua vergonha logo irá embora e a vontade de continuar será maior! ❤

  • Thais Pereira Terra

    Muito legais as dicas! Eu acho bem melhor ter hábitos saudáveis. Tem muitas coisas mais saudáveis que eu amo comer, então dou prioridade a elas. Muito melhor que uma dieta retristiva que pode te deixar triste e ser sofrida demais.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    • Kaila

      Simm, comer bem é comer de um jeito saudável, mas que faz a gente feliz. Não adianta comer bem e ficar frustrado. É preciso ter equilíbrio! ❤

  • Monique Larentis

    Linda, parabéns pela inciativa de mudar para um estilo mais saudável.
    Acho que o mais importante é mudarmos nosso pensamento e seguirmos. No começo é difícil, mas depois, vira rotina, e aí, é só sucesso.

    As pessoas tem pré fixado na cabeça que ter uma vida saúdavel é comer coisa ruim, ou se restringir de coisas boas. Que é sofrer e tal. Eu digo que como doce, como muito bem, nunca passei vontade, e mesmo assim como saudável. Faço minhas receitinhas, quando digo que não tem açúcar, as pessoas fazem uma cara feia, mas depois que experimentam gostam. Por isso que digo que muita coisa está mais na nossa cabeça do que outra coisa.

    Continue assim, com certeza você vai ver que valerá muito a pena 🙂

  • Mary Soeiro

    Excelente dica. Com certeza reeducação e exercicios fisicos e a melhor opção para resultados duradouros.
    Beijos

    blogdamary.com

  • Leidiana Pereira

    Eu adorei a postagem, eu aprendi a mudar os hábitos alimentares depois que foi numa nutricionista e a dieta foi tão restritiva que tive compulsão alimentar e acabei engordando do que emagrecendo. Hoje eu como de tudo e tento o máximo que posso comer saudavelmente, beber mais de 2 litros de água por dia e exercícios físicos. *–*
    Beijos. 
    Diário da Lady

  • Nana

    Olá,
    Com os problemas de saúde mental dos últimos anos meu corpo mudou muito. Mas eu estou cuidando aos poucos, acho que o primeiro passo conta muito. Ando vigiando muito essa questão da água, as porções do almoço, as frutas…. exercício que ainda me barra hahaha

    até mais,
    Canto Cultzíneo

  • Camila Faria

    Moderação é tudo nessa vida, né Kaila? Não adianta querer cortar TUDO de uma vez, o segredo é ter equilíbrio sempre. Adorei o post ~ e tento seguir esse estilo de vida menos restritivo também. Um beijo :*

  • Paloma

    Oie minha linda! Concordo com tudo o que você escreveu aqui em todos os sentidos. Já encarei dietas restritivas que ferravam com meu psicológico e não adiantava nada. Hoje, também mudei minha mente e tô buscando o equilibrio também. Amei o post❤❤

    Passa lá no blog. Gostaria muito de saber sua opinião sobre a nova postagem que fiz.
    Beijos,
    Paloma Viricio

  • Hanna Carolina

    Realmente mudar hábitos não é fácil. Ainda mais quando começamos com o 8 ou 80. Eu comecei a fazer uma reeducação alimentar também e estou me dando muito bem, descobrindo sabores que até então nunca achei serem possíveis de combinar. Fora que também estou “descascando mais e desembalando menos”, a vida é outra! =)
    Que vocês tenham sucesso na nova vida de vocês. ^^
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

  • Vanessa

    Oi, Kaila. Tudo bem?
    Excelente dicas! Realmente o equilíbrio é a resposta. Também passei por um processo de aprender a mudar meus hábitos alimentares e exercícios e até a energia do corpo parece mudar.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

  • Claudia Hi

    Eu adorei as dicas Kaila! Também estou tentando melhorar o que como, porque durante a pandemia eu enfiei o pé na jaca. E acabei engordando e agora estou no meu maior peso da vida!

    Gostei bastante da ideia de fazer exercícios pelo menos 3x por semana. Porque eu também sou extrema como você. Ou é 8 ou 80. E claro que eu fazia exercício só por uma semana e depois eu desistia, porque era muito estressante rs

    Você comentou que anda cerca de 4 km. Tem ideia de quanto tempo dura essa caminhada? Eu não faço ideia de quantos km eu ando haha

  • Lary Zorzenone

    Olá
    Eu nunca funcionei com dieta restritiva. Eu busco sempre comer de forma saudável, mas não me privo de ficar sem as coisas que gosto de comer. Isso seria o meu fim kkkkk
    Estou agora bastante focada, indo diariamente na academia a um mês, mudando hábitos alimentares e estou muito feliz comigo por isso, principalmente por passar a acordar cedo, e não ao meio dia.

    Vidas em Preto e Branco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *