Look do dia: camisa estampada, colete, calça destroyed e duas opções de calçados

Percebi que as revistas jamais seriam capazes de ditar o que irei e como irei vestir, elas perderam suas forças porque jamais conseguiriam expressar um terço da minha imensidão. Esquecer nossa personalidade para seguir uma maré fashion e usar o maior número possível de tendências, é como amar e guardar cada palavra dentro de si: vago e triste. Quem nunca acabou desconfortável, e não estou me referindo ao desconforto físico, ao usar aquela peça super cool que todas as celebridades estão usando? Esse desconforto é basicamente o seu estilo entrando em conflito com as tendências que você se impõe. Ter estilo é aceitar sua identidade e refletir isso no que você usa. Quando você encontra e aceita seu próprio estilo, fica mais fácil se sentir confortável, segura e confiante. Pessoas com estilo são mais livres, não ligam para o nome da etiqueta, usam aquilo que faz bem e não ligam para as opiniões.

Somos imensidões que não podem ser descritas pelo tamanho que usamos, pelo corte de cabelo ou pela cor dos olhos. Sua calça 46, o batom vermelho e os cachos do cabelo podem representar vagamente o que você é, porque nos labirintos da sua história, ninguém seria capaz de navegar, se não você mesmo. Mas, aceitar o seu corpo é o primeiro passo para definir seu estilo e se aceitar como você é. Muitas vezes usamos coisas que não nos representam, ou deixamos de usar o que amamos, pensando na opinião dos outros.

Mas, no mundo dos extraordinários que se aceitam como são não existem regras, afinal, é você quem decide como você é. Escolha o que usar sem medo, se você sabe quem é, o que te veste bem e que a opinião alheia não faz diferença, não irá se prender as regras bobas de revistas. Tenha autoestima e seja feliz com o que você está usando, sua autoconfiança irá impressionar mais do que a etiqueta do seu jeans. Esse é o maior truque de style que você pode aprender na vida. Como já disse Coco Chanel: “A beleza acontece no momento que você decide ser você mesma”.

Descrevi o que sou da maneira mais simples, com meu jeans surrado com rasgos feitos por mim, com uma camisa estampada de âncoras, colete jeans e duas opções de calçados, afinal, o que seria de nós sem os grandes embaraços proporcionados pelas indecisões? Somos suficientes para vivermos várias versões de nós mesmos e as escolhas dos calçados dessa composição definem bem isso. Para o dia a dia, nada como um mule confortável, prático e básico para enfrentar os compromissos. Para ambientes mais formais, nada supera a sandália de tira, que é um item essencial no guarda-feminino, já que ela supre todas as necessidades e é compatível com grande parte das peças existentes no nosso armário.

Sabe qual é o segredo de um armário inteligente e que revela várias versões de nós mesmos? Saber onde investir, por isso, na hora de comprar um calçado não exito, corro para o site da Outlet JM e me aventuro em cada categoria para escolher os sapatos mais compatíveis com o meu cotidiano com o melhor preço do mercado. Jura que você vai me dizer que ainda não conhecia?

Mule Vizzano 

Sandália de Tira 

Compartilha com a gente: qual é o seu look de guerra, aquele que toda vez que você usa não falha?

Espero muito que vocês gostem, um super beijo e até o próximo post!

56 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *