Quanto devo cobrar por um anúncio em meu site?

Estar sempre inspirada para criar conteúdos relevantes, ter criatividade para produzir fotos que combinem entre si para criar um feed harmônico, gravar vários vídeos por semana não é tão simples quanto parece, tão pouco termina apenas porque os conteúdos foram publicados, fora das câmeras é necessário ter profissionalismo para assinar contratados, selecionar serviços e entregar trabalhos. Em meio há tantas particularidades, se encontra sua vida pessoal que é invadida, já que seus conteúdos são criados através de suas experiências. Há quem diga que o trabalho das criadoras de conteúdo são vagos, mas na verdade, eles podem ser nomeados como um verdadeiro desafio, ninguém sabe o que vai acontecer com ele amanhã ou daqui um ano, se irá se expandir ou esquecido, mas todos podem se lembrar de um detalhe: grande parte dos que ficaram permaneceu nele por amor e mais nada. Com trabalho, dedicação e esforço, um espaço virtual pode se tornar um trabalho remunerado, mediante dos anúncios de terceiros diretamente nas páginas do nosso site. Mas, quando do amor surge uma oportunidade, como saber quais trabalhos oferecer e qual preço cobrar?

Existem algumas formas de monetizar um site, a maioria dessas possibilidades vêm de anúncios diretos nas páginas do site. O maior desafio é saber quanto cobrar por anúncio, quanto custa cada espaço e qual o valor daquela exibição. Nem todos os sites conseguem ser remunerados, e os que são precisam redobrar os estudos, a dedicação e aprimorar sempre o seu trabalho. Não há uma fórmula matemática para definir o preço da publicidade em um blog, mas há elementos que podem intervir na hora de definir um valor adequado.

Qual o nicho do seu site? Para profissionalizar o seu site é essencial que você defina o tipo de conteúdo e assuntos que são/serão tratados em seu blog. Essa é a primeira coisa que um anunciante analisa. Isso determinará se o seu nicho é ou não relevante e o quanto seu blog será importante para aquilo. Quanto mais específico e único for o seu site, maior será o seu preço.

Qual o seu público alvo? Pense que o seu público alvo também é o público alvo de uma empresa com seus produtos e serviços. Quando se conhece os leitores, entende-se o que eles querem e o que procuram, baseando-se em estatísticas, pesquisas e resultados de interações. O anunciante quer saber quem vai ver os anúncios, quem vai clicar e até quem vai comprar. Quanto mais específico for o seu público e melhor definido estiver o potencial para se atingir tais pessoas, maior será o interesse de alguém anunciar em suas páginas.

Quais as estatísticas do seu blog? Antes de monetizar o seu site é necessário ter um número expressivo de visitas. Mais significativo que isso é o número expressivo de exibições de página, baixa taxa de rejeição e alto tempo de permanência do visitante. Esses números é que podem reforçar o quanto seu blog pode trazer de retorno para os anunciantes que investirem.

Quais e quantos espaços estão disponíveis para anúncios? Qual a forma de anunciar em seu blog? Os espaços disponíveis e a visibilidade desse espaço é determinante no preço. Os melhores lugares custam mais caro. Cada espaço desse determina um preço diferente, um valor maior ou menor de acordo com o maior potencial ao ser exibido na página do seu blog. Não podemos descartar também que cada layout tem seus espaços privilegiados. Você pode fornecer publieditoriais e banners em seu site.

Antes de definir o valor dos trabalhos oferecidos, lembre-se dos custos e do tempo gasto em cada trabalho. Um trabalho por permuta, por exemplo, exige que você teste o produto, se arrume, fotografe, edite aquelas fotos, escreva os artigos e os entregue para o anunciante. Cada trabalho exige uma dedicação diferente e isto deve ser colocado na ponta do lápis. E agora que já sei tudo isso, quanto devo cobrar pelos anúncios? Depende, não sou eu ou o anunciante que deverá definir os seus valores, tão pouco, deverá se basear nos preços cobrados por outras criadoras de conteúdo, eles devem ser determinados por você. Ninguém além de você pode valorizar o seu trabalho e definir os seus valores. As vezes, seu site tem poucas visitas, mas seu conteúdo influencia, conquista interação e repercussão, tornando seu site mais influente que outros mais populares. Por isso, não se baseie no trabalho de outra criadora de conteúdo ou em seus valores, cada trabalho é impar e só pode ser valorizado por quem o produz.

Espero muito que vocês gostem, um super beijo e até o próximo post.

69 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *