Depois de um tempo, o casamento esfria?

Quando era pequena, ficava tentando imaginar como eram os relacionamentos reais, já que minhas únicas referências eram os contos de fada e o final feliz. Depois de alguns anos, pude responder minhas próprias perguntas: o frio na barriga do primeiro encontro é algo que fixa na nossa memória, da mesma forma, que as borboletas que invadem nosso estômago no pedido de namoro se tornam eternas. Contudo, todos esses sentimentos se tornam singelos perto do momento que decidimos compartilhar cada segundo da nossa existência com outro alguém, este instante poderia ser facilmente comparado ao final feliz dos contos de fadas. Tristemente, nesta longa jornada da vida a dois, todos passam por trechos acidentados que podem causar alguns solavancos no relacionamento, felizmente, somos os únicos capazes de transformar as dificuldades e desafios em degraus para se alcançar níveis ainda mais profundos de amor.

Em épocas mais escuras, quando toda luz e brilho do começo parecem desaparecer, como uma chama apagada pelo vento, é interessante refletir sobre a analogia do fogo, que nem sempre o vento apaga, na maioria das vezes, ele serve apenas para aumentar aquela chama, o mesmo pode ocorrer em qualquer relacionamento. Dizem que os vilões mais difíceis de combater na vida a dois é a monotonia da rotina, os dias consumidos por compromissos, o desgaste ou o cansaço. Mas, sinceramente, ao meu ver essas são apenas aquelas desculpas clichês que a gente ama culpar, o único pesadelo do nosso relacionamento somos nós mesmos.

Imagine que seu parceiro chegou exausto do trabalho, vocês trocam algumas palavras e logo ele vai tomar um banho para descansar. Ao invés de preparar uma comida quentinha, ou apenas ir tomar um banho para descansar com ele, não, você tenta imaginar mil situações para encontrar um motivo pelo qual ele estaria quieto: ou ele estava com outra, ou não te ama mais, imagina-se tudo, menos que ele só está cansado. Na maioria das vezes, esses pensamentos tornam momentos bons em ruins, gerando facilmente uma discussão ou um mal estar entre o casal, tornando-nos os únicos responsáveis pelos atritos e situações desagradáveis no nosso relacionamento.

Em dias monótonos, lembre-se de algo que tenha um significado especial para vocês. Presenteie com algum objeto que lembre alguma coisa que vocês fizeram juntos, encontre um filme, lugar ou música que tenha alguma coisa semelhante à sua história. Essa é uma maneira simples e criativa de transformar um dia rotineiro em um instante especial, eliminando os pensamentos e atitudes ruins e reacendendo sentimentos que podem estar adormecidos.

Um relacionamento pode se esfriar facilmente com a falta de comunicação entre o casal, é importante que um seja franco com o outro, para que as conversas sejam produtivas e os problemas sejam solucionados. Quem nunca se sentiu triste ou incomodado com algo e quis que o parceiro simplesmente adivinhasse o que estava acontecendo? Ninguém tem bola de cristal, por isso, não perca seu tempo esperando que o outro perceba algo que você pode facilmente dizer.

Dizem que quando a gente quer, arrumamos tempo para tudo e isso é uma grande verdade. Mesmo que seja difícil, com organização e planejamento conseguimos conciliar casa, os filhos, os compromissos e ainda reservar um tempo para o parceiro. Reavalie suas prioridades e conheça o seu próprio tempo, verás que tudo se torna mais produtivo. Os encantos podem se perder ao longo do caminho – e mais uma vez, porque a gente deixa. Os elogios são esquecidos, assim como as palavrinhas chaves aprendidas no jardim de infância e isso é um fator que pode fazer muita falta no dia a dia, dizer obrigado ou o quanto ele/ela está bonita hoje, leva apenas alguns segundos e faz uma grande diferença.

Substituir hábitos que normalmente seriam consumidos por pensamentos negativos é primordial para manter um relacionamento saudável. Se as brigas se tornaram uma rotina, repense as suas atitudes. Se você é uma pessoa explosiva, vale se esforçar para pensar se uma resposta atravessada realmente vale a pena e se levará a um retorno positivo. E nunca se esqueça da privacidade do casal, os beijos longos e apaixonados podem até ter dado uma enfraquecida, mas é importante trabalhar para que o namoro não esfrie totalmente. Tudo foi construído porque existia um amor incondicional entre duas pessoas, tão grande que foi capaz de construir uma família, formar uma vida juntos e florescer o melhor lado do nosso ser. Se tudo surgiu do amor, união e alegria, porque esquecer esses fatores com o tempo? Acima de tudo, o casal precisa de um tempo a dois, os velhos tempos não precisam passar.

Como vocês gostam de renovar o seu relacionamento? Compartilha sua dica com a gente!
Espero muito que vocês gostem, um super beijo e até o próximo post!

58 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *