Terminei meu namoro e agora?

E no silêncio da noite ela gostava de observar as estrelas, ensinar sobre a constelações, das flores que demoram anos para florir e com apenas dois dias morrem, não para qualquer um e sim, para ele. De histórias infinitas surgiu o para sempre deles. Ciclos são construídos, o coração cria laços, o mundo começa a se colorir de uma maneira diferente, mesmo sabendo que um dia o fim pode chegar tão rápido quanto a chegada, sempre preferimos estar na beira do precipício do que sem aquele alguém. Os versos se tornam descartáveis, a rejeição se torna presente, as perguntas começam perturbar nossa mente: devemos insistir no que acabou ou seguir em frente?

Se esquecer fosse tão fácil quanto amar, haveriam menos corações infelizes. Há coisas que fogem do controle, o maior problema não é a partida, é entender que aquele instante chegou ao fim, e eu entendo, não podemos pedir que nosso coração simplesmente pare de amar. Se desacostumar, aceitar que o que antes era presença, agora é ausência, o que antes era amor, agora é só dor, que os planos ficaram para trás e que um novo caminho cruzou nossa existência é desafiador. Por isso, selecionei alguns conselhos para você que está passando por um termino de relacionamentos.

O universo parece se transformar quando entramos em uma relação, alguns fatores começam passar despercebidos bem diante dos nossos olhos, como os caminhos distintos que nossos amigos atravessam, é natural que as pessoas sigam caminhos distintos, se afastam, se aproximam novamente, fazem novas escolhas, entretanto, entre tantas idas e vindas, as reais amizades permanecem, independente do momento que cada ser está vivendo, essas se fazem presentes mesmo com um rápido ”oi” no Whatsapp. Por isso, ao invés de buscar pela solidão, corra atrás da união. Os amigos são aquele colo para nossas quedas emocionais, lembrando que a palavra descreve também nossos familiares. Porém, lembre-se que se reaproximar de alguém somente na necessidade é algo que todos percebem e poucos gostam, sentimos a mesma coisa quando alguma pessoa faz isso conosco, por conta disso, não deixe seus amigos de escanteio, se faça presente, estando um relacionamento ou não.

Fingir estar feliz não é uma boa tática para mandar a tristeza embora, quanto mais você tenta esconder de si mesmo, mas ela se espalha. Por isso, chore se sentir vontade, dance para jogar para o ar a saudade, aproveite este momento para amadurecer e não para entristecer. Não permita que a sua mente seja dominada pelos pensamentos ruins, ao invés disso, se mantenha ocupada fazendo coisas que à muito tempo não eram feitas, como assistir seu filme favorito, renovar sua playlist, explore os novos programas da TV ou simplesmente não faça nada, apenas descanse.

Durante as horas vagas, não corra para as redes sociais do seu ex para se torturar. Ficar dando curtidas, ver quem ele adicionou, imaginar com quem ele está falando ou rever todas as fotos da página não é uma boa solução. Faça e perceba o quanto o dia fica leve quando o olho não se ocupa da vida dos outros, é como uma dieta forçada, que no fim funciona.

Pessoas são companhias passageiras em nossa vida, elas vão embora de todas as formas, quando não decidem ir por conta própria, são levadas pela morte. Só temos a nós mesmos, desde o nascimento até o dia em que não estaremos mais aqui. Por isso, se concentre mais em si mesma. Apenas nós sabemos como são realmente as dores e alegrias que sentimos, os momentos em que somos postos a prova, o real peso dos ombros e principalmente o que é colocado no travesseiro quando vamos dormir. Nós nos mantemos de pé, nossas pernas nem se mexem se não as movermos. Explore as novas oportunidades, cruze novos caminhos, seja quem você é. Não vai saber como será daqui para frente se não estiver disposta a receber os novos caminhos da melhor maneira possível.

50 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *