Motivos comuns que levam os relacionamentos ao fim

Os contos de fada sempre descreviam o momento em que a pessoa dos nossos sonhos atravessaria nossa história, sem permissão ela revela todos os motivos pelos quais enfrentamos tantas idas e vindas, até que aquela chegada que interrompeu nossa caminhada de forma tão brusca, torna tudo tão indecifrável. Reconhecer a peça que sempre faltou na nossa vida é simples, ela se encaixa perfeitamente ali, na melhor parte do nosso coração. Os antigos caminhos se perdiam para se tornar eternos, os atuais precisam de apenas um motivo vazio para serem esquecidos. O tempo todo, pessoas chegam e se afastam, tão rápido quanto um piscar de olhos, enquanto outras fazem moradia para presentear as páginas da nossa história com instantes indescritíveis, permitir que essas pessoas saiam da nossa existência é uma das falhas mais tolas que poderíamos ter.

Os manuais de instruções passam longe quando o assunto é relacionamento, compartilhar nossa existência com um ser distinto de nós é tão desafiador quanto enfrentar nossos piores medos. Pequenos fatores alcançam grandes proporções em algumas relações, este resultado é alcançado pela falha de algum elemento, que torna a base do relacionamento mais frágil. O primeiro motivo pelo qual muitos casais terminam é começar aquele namoro pelo motivo errado, alguns estão tão solitários que qualquer companhia basta, outros só querem mostrar que estão em um relacionamento, alguns se submetem aquela companhia por status, dinheiro ou por bens materiais. Nestes casos, as histórias são interrompidas imediatamente, nada que tem más intenções envolvidas consegue seguir um percurso duradouro.

Lembre-se constantemente que a família do seu cônjuge é tão especial quanto seus familiares são para você. Rejeitar, julgar ou não aceitar as pessoas próximas do seu parceiro é um sinal que aquele relacionamento não continuará. Cada ser possui um espaço distinto no nosso coração, ele não pode ser substituído ou simplesmente alterado. O mesmo acontece com os gostos do nosso parceiro, não temos o direito de exigir que alguém mude por nós, as melhores mudanças partem quando elas surgem de dentro de nós. Se não gostar do mesmo programa que seu cônjuge, tente ao menos conhecer e intercalar os passatempos que ambos gostem.

Muitos relacionamentos chegam ao fim por três motivos comuns e que se entrelaçam entre si: ciúmes, falta de respeito e traição. A base principal de qualquer relação é o respeito, seja ela entre nossos pais, irmãos ou com o parceiro. Palavras ditas nunca mais serão esquecidas, provocações servem apenas para criar intrigas e promover uma situação apenas para causar ciúmes no cônjuge é um dos erros mais chulos que todo mundo um dia já cometeu. Estar em um relacionamento com esses dois fatores presentes, proporcionam a abertura para outras pessoas cruzarem nosso caminho, com tantas brigas vazias a relação se estremece, e neste momento outras pessoas podem conquistar a atenção de ambas as partes, causando a traição.

Relações duradouras se recusam a cair na rotina, pequenos detalhes reacendem o romantismo e tornam o relacionamento saudável e com a mesma essência do começo. Abrir a porta do carro, deixar um bilhete ao sair para o trabalho, nunca dormir separados, nunca desfazer dos elogios são ações simples, que ocupam pouco tempo e que fazem toda a diferença. Momentos bons normalmente são marcantes por durarem pouco, então, lute pelos relacionamentos eternos, que só precisam de cuidado e amor para se manter sempre vivo.

Espero muito que vocês gostem, um super beijo e até o próximo post!

44 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *