Vida à dois: como lidar com as brigas?

Nenhum relacionamento é um mar de rosas,  não dá para viver todos os dias em um conto de fadas. Todo mundo um dia vai brigar e não é só uma vez não, são várias vezes! Até porque são duas pessoas diferentes tentando conviver juntas, quando namoramos é ainda mais fácil pois, não passamos tanto tempo com a pessoa, não dividimos tanta responsabilidade com ela. Quando a gente passa a dividir um teto com alguém, mesmo que não seja nosso parceiro, iremos enfrentar alguns obstáculos e surpresas.

e94ed015c654975170b66c0a53bb82b0

Já ouvi muitas pessoas dizerem que o primeiro ano de casamento é o melhor, pois o nosso foi o pior. Nunca brigamos tanto como nos primeiros meses morando juntos, discordávamos de tudo, queríamos mudar um ao outro e retrucávamos por qualquer coisa. A pior parte disso tudo é que nenhum dos dois queria mudar, a gente se achava certo e pronto e quando duas pessoas pensam assim, nada vai pra frente.

Nossa vida é um aprendizado, estamos aqui para errar e para aprender. Não somos perfeitos, como ninguém é. Não estamos sempre certos, não somos donos da razão e precisamos estar abertos para mudanças e a opiniões diferentes da nossa, é só assim que a gente passa a ter uma relação mais saudável com outras pessoas.  Com o casamento não é diferente. Eu e o Gu quebrávamos tanto a cabeça tentando entender onde a gente havia se perdido e nós mergulhávamos nas lembranças que a gente tinha um do outro, eu e ele sempre se ajudou, sempre passamos por muita coisa, a gente sempre teve uma sintonia muito forte, assim como nossa união e nosso amor. A gente nunca quis desistir um do outro e nunca deixamos nosso amor se abalar.

Então depois de algum tempo decidimos parar e refletir muito sobre tudo que estava acontecendo, se a gente queria mesmo continuar a gente devia mudar muita coisa que estava errada. A gente começou a ser bem mais sincero um com o outro, tudo que a gente não gostava falávamos ali mesmo, assim como tudo que a gente gostava era dito também.  Assim, a gente sempre achava uma solução para as coisas erradas, isso evitou muita briga.

As vezes, quando estamos de cabeça quente a melhor coisa é não falar nada. É fazer outra coisa, tomar um banho, dormir, menos falar algo para magoar seu parceiro. Outra coisa é nunca dormir sem seu parceiro, mesmo brigados vira cada um para seu lado e dorme, separados nunca.

Vocês são como uma dupla, evite esconder as coisas do seu parceiro ou fazer planos sozinho. Pois agora, tem outra pessoa dedicando a vida dela para você. Faça programas que os dois gostem e tente gostar das coisas que seu parceiro gosta e vice versa, eu amo série e o Gu ama filmes, do mesmo jeito que ele passou a gostar de assistir séries comigo, passei a ver vários filmes com ele.

Se dê bem com a família dele e vice versa, família é uma das coisas mais importantes na vida. São pessoas que nós criaram e estão com a gente até hoje, não há palavras para decifrar o que a família significa na nossa vida! Por isso, saiba que você tem três famílias agora, a sua, a que você tinha e a do seu marido.

São várias atitudes diferentes que te faz ter um relacionamento diferente, algumas a gente só descobre com o tempo e outras a gente vai aprendendo no dia a dia, o que não podemos esquecer é que o amor é a coisa mais pura que um ser humano pode ter, sem amor não somos nada. O amor sempre prevalece, o amor enche nossa alma de alegria! Por isso, não desista e ame imensamente quem está com você. <3

Sem Título-1 w

Espero que vocês gostem, um super beijo e até o próximo post! <3

Se vocês um post sobre algum assunto relacionado a isso, deixa aqui nos comentários! 🙂

78 Comentários

  • Gisele

    Imagino que não deva ser fácil, porém ao mesmo tempo deve ser gratificante ter um parceiro ali do seu lado! Muito legal o post, temos que ter maturidade para lidar com um relacionamento assim, principalmente na ora da raiva como falou, as vezes é melhor ficar calada do que falar algo que pode magoar.

    • Kaila

      Sim, é bem difícil ficar quieto e deixar a cabeça esfriar, muitas vezes queremos deixar a raiva falar mais alto, porém é o pior caminho e o que mais machuca! Fico feliz que tenha gostado do post. <3

  • Simone benvindo

    Deus proteja vocês, que casal lindo e mais lindo é ver que vocÊs cresceram juntos, ou seja, mesmo com as brigas aprenderam juntos a ponderar e são mais sinceros um com o outro. Parabéns, lindo casal. <3
    Eu nunca fui de brigar, então quando meu marido fala algo que eu não gostei eu simplesmente fico quieta fecho a cara, ai ele vem conversar e eu explico e fica tudo bem. Nada melhor do que se entender e se respeitar. Beijos

    • Kaila

      A gente é bem novo, por isso a gente não tinha essa maturidade para esperar a poeira baixar sabe? Falávamos no impulso e nós magoávamos muito, foi nosso pior erro! Mas, é lindo ver como a gente amadurece conforme o tempo passa. <3

  • Carol Nagliati

    Oi! Adorei este post! Faz 11 anos que sou casada e comigo tb os desentendimentos vieram no primeiro ano juntos… Depois, graças a Deus, fomos nos adaptando. É difícil no começo, pois cada um foi criado de uma maneira, mas depois fica tudo tão perfeito, que vale muuuuiitoo a pena. carolnagliati.blogspot.com
    Instagram: @carolnagliati

    • Kaila

      Sim, são duas pessoas totalmente diferentes com o amor que as une. Aparece muitas barreiras e surpresas, porém depois que a gente passa a saber conviver junto, não há nada melhor. <3

    • Kaila

      Família é super importante, acho que se você ama uma pessoa, mais não gosta da família dele, nada dará certo! Um dia e um final de semana abençoado pra você. <3

  • Oxi,falei!

    Nunca pensei em entrar de cabeça nisso ou arriscar! Mais tudo que mencionou parece ser o melhor jeito de levar as coisas! Acho que primeiro ano de casamento deve ser o mais difiil ( e não facil como dizem), principalmente se é a primeira vez que está indo morar com seu companheiro!

    Adorei o post e felicidades pra vocês sempre 🙂

    Beijos da Nati

    http://www.oxifalei.blogspot.com.br

    • Kaila

      Apesar de ser muito nova eu sabia das responsabilidades e o tamanho da mudança que eu ia ter morando com um namorado, sabe? Só não sabia que precisava ser madura e entender melhor as coisas. Mas, tudo passa, os dias passam e a gente vive melhor a cada dia, essa é a melhor parte. Ver as mudanças, nosso amadurecimento e um eu interior melhor! <3

  • Jessica Pantoni

    Acho que os dois primeiros anos do casamento foram os mais difíceis pra mim, é algo que muda completamente nossa rotina e bate às vezes uma tristeza e saudade da casa dos pais, mas com o tempo vai melhorando, pelo menos foi assim pra mim!

    • Kaila

      Acho que é uma mudança grande demais e por isso a gente estranha bastante no começo, até porque vamos morar com uma pessoa diferente demais de nós. Mais no fim dá tudo certo e é o que importa! <3

  • Julie

    Sem dúvidas, não deve ser fácil! As pessoas são diferentes e, com isso, possuem opiniões diferentes. O legal mesmo é chegar em um acordo né?! Nunca morei com alguém, tirando a minha família, então não conheço a situação, mas deve ser um tanto que complicado, rs.

    • Kaila

      No começo sim, até porque a pessoa foi criada de um outro jeito, tem seus costumes, suas manias, era acostumada com uma rotina e tudo muda. Porém, depois de um tempo tudo dá tão certo. <3

  • Bruna WB

    Kaila, adorei seu post. Estou morando com meu namorado desde abril desse ano e só agora estamos nos dando bem mesmo. Eu morei sozinha por 7 anos, então tinha muitos vícios, e reconheço que fui um tanto difícil nessa coisa de compartilhar tudo. E o mais engraçado é que a gente namora há quase 9 anos, mas estamos descobrindo muitas coisas novas agora. Seus pontos são fundamentais. Sinceridade e ser você mesmo é, para mim, o mais importante. É necessário que os dois se sintam bem na própria casa com a pessoa que escolheram dividir a vida, né? Aos poucos vamos aprendendo muitas coisas, mas não custa nada prestar atenção nas “coisinhas” que melhoram a relação.
    Beijos,
    Bru
    http://www.moderando.com

    • Kaila

      Eu acho tão divertida essa fase de conviver com o outro e ver como o outro realmente é, o mais engraçado é que sempre descobrimos algo do nosso parceiro. Isso vai criando uma cumplicidade única. É demais! E não podemos deixar de prestar atenção nessas coisas como você disse, pois são esses detalhes que mantém a relação. <3

  • Bella

    Kaila, difícil é conseguir de fato não falar nada quando se está de cabeça quente! Meu primeiro ano foi grávida, isso que tornaram as coisas difíceis.. Junta insegurança e hormônios atacados aí dá nisso, uma pessoa desvairada e detalhista. Me identifiquei com você no ato, com exceção das famílias, explico o porquê – moramos em cidades diferentes e não temos muito contato sabe? Aí rola aquele gelo. O principal é que tudo fica bem, são fases e o tempo ajuda a gente a se adaptar nas diferenças e entender que cada um tem sua particularidade! Beijos Kaila, um bom final de semana procê ♥

    • Kaila

      Nossa Bella, que comentário mais bacana! Deve ter sido uma situação totalmente diferente da minha, por já vir um baby por aí. Eu acho que quando eu estiver grávida vai ser outra fase de mudanças por aqui, já que a gente é acostumado a ser muito nós dois. Morro de vontade de saber como vai ser, sério! Hahaa
      Nossa família mora na mesma cidade que a gente, nós vemos de final de semana e é bem bacana. Acho que é essencial mesmo se não tiver contato, ter uma relação boa sabe? Sem brigas, picuinhas e etc, é o que mais tem, né? Um bom final de semana, volte sempre aqui. <3

  • Bezinha

    Nós que temos alguém sabemos o que é ter um relacionamento e como mantê-lo.
    Eu sou muito orgulhosa sério, posso estar errada mas nunca consigo dar o braço a torcer, agora estou trabalhando isso e melhorei mas nossaaa quando estamos bem somos céu e mar agora quando brigamos somos fogo e gasolina rs. É tenso. Mas estamos administrando isso e sabe quando brigamos??? Quando estamos longe e pelo Whats kkkkk. Porque quando estamos juntos é uma paz, nem discutimos até brincamos que o nosso mal é estar longe um do outro.
    Realmente ninguém é perfeito e não existem casais perfeitos. Adorei saber como lidou/ lida com isso e suas dicas realmente são fundamentais.
    Adoro todos os seus posts mas sobre esse tema é o meu preferido haha acho que é pela similaridade entre nós rsrs *o*
    Beijocas !
    ♡ Casal Be&Be ♡

    • Kaila

      Nossa, me identifiquei demais com seu comentário! Quando eu e o Gu estamos brigados dá vontade de jogar ele dá sacada, depois de alguns minutos já estamos igual unha e carne. Hahahaha acho que o amor é isso mesmo! <3

  • Gabriela Soares

    Não deve ser fácil mesmo, mas é como você disse: quando o amor fala mais alto, vale a pena colocar as cartas na mesa e trabalhar um jeito de arrumar o que está dando errado, né? Adorei o post!
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

    • Kaila

      É o amor que vai mandar em tudo, é só com ele que enfrentamos todas as barreiras! Amar é tudo. <3
      Fico feliz que tenha gostado.

  • Barb

    Vocês são tão fofos e lindos, sério!
    Eu gostei bastante do post pessoal e com dicas sinceras. Viver uma vida a dois não deve ser fácil, afinal de contas são duas pessoas com personalidades diferentes, mas como você disse: o amore sempre fala mais alto para arrumar o que está dando errado.

    Beijos
    barbfurtado.blogspot.com

    • Kaila

      A parte mais importante é se unir a outra pessoa pelo motivo certo: amor. Só ele supera as barreiras e surpresas da vida e nós faz entender a diferença. Fico muito feliz por você ter gostado!

  • carol

    Gostei muito, muito do post!! Aqui nós estamos morando juntos há 1 ano e quase não brigamos, acho que por eu ser mais maleável e ele é bem tranquilo.
    As poucas vezes que brigamos ou é porque ele quer fazer alguma coisa com os amigos quando já tínhamos combinado alguma coisa ou quando ele bagunça a casa, tenho toc com limpeza hahaha
    O melhor conselho que você deu foi quando estiver com a cabeça quente, deixar pra lá, eu sempre faço isso…
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    • Kaila

      Estou aprendendo agora essa parte e é a melhor coisa que estou fazendo. As vezes a gente acaba se magoando por causa de tanta bobagem falada na hora dá raiva e que infelizmente não volta atrás. A magoá sempre fica! Fico muito feliz por você ter gostado. <3

  • Amanda Z.

    Oi Kaila, tudo bem? =)
    Que post mais lindo, adorei sua sinceridade e como descreveu a história!
    Realmente é muito importante saber entender o outro e também acho que não se pode durmir separado, mesmo estando brigados. Adorei o post, sério mesmo *-* Faça mais posts assim, com dicas para casais! ^^
    É tão bom quando encontramos o amor da nossa vida né, essa sintonia de entender e compreender é essencial!

    Amore, tem post novo lá no blog, te convido a vir conferir! =)

    Beijos
    Amanda Z.
    http://www.diariodelooks.com

    • Kaila

      Fico muito feliz por você gostar de posts assim, sempre quero trazer esses assuntos pro blog. Muito obrigado por passar aqui e deixar esse comentário cheio de carinho! <3

    • Kaila

      São duas pessoas diferentes se tornando uma só com o passar do tempo, duas pessoas que se amam e querem viver juntas. A tempestade passa e a alegria fica, e isso é o que recompensa! <3
      Fico feliz que tenha gostado.

  • Thami Sgalbiero

    Várias amigas minhas já me deram ideia de morar junto com elas e tal, porque sempre que a gente conversava sobre como eram as nossas famílias e o quanto a gente queria ter nosso próprio canto, a gente sempre caia nessa ideia de morar juntas, até que um dia eu contestei e falei que achava que não daria certo, porque cada um tem suas manias né? No começo é tudo mil maravilhas, mas depois começam a vim os defeitos e aí fica complicado. Concordo com tudo o que você disse, essa é a melhor maneira de morar junto, principalmente essa dica de não falar nada quando estiver de cabeça quente, porque realmente podem sair coisas que nem a gente mesma queria dizer né?

    Beijos!

    • Kaila

      Sempre quis sair de casa e ter minha liberdade, antes de conhecer o Gu eu pensava em fazer isso sozinha. Acho que já é difícil conviver com uma pessoa que você ama e quer se dar bem com ela, acho que com amiga ia ser picuinha atrás de picuinha, não combinaria pra mim não. Um super beijo! <3

    • Kaila

      Sempre vai acontecer mesmo, não dá pra fugir. Porém, ter maturidade e saber lidar com os obstáculos é a melhor solução! <3

  • Mariana

    Como você disse, não só para parceiros, dividir o teto é sempre um aprofundamento na relação – seja amorosa, de amizade ou enfim.
    Ouço muito dizerem que é bom morar junto antes de casar por que morar junto muda muito o relacionamento, e eu super concordo. Entre namorar e morar junto tem um abismo, e isso pode levar muitos casamentos precipitados ao fim.
    As dicas são super válidas!
    Beijos e até mais :*
    http://www.thesecretshoot.com/

    • Kaila

      Acho que se casar no papel gera uma responsabilidade bem maior entre o casal, confesso que não gosto muito por isso. Morar junto realmente muda muito o relacionamento e acho super bacana pra quem pensa em casar. Fico feliz por você ter gostado!

    • Kaila

      Sim, até se você pensa em morar com uma amiga, prima, não sei.. é fundamental saber dessas coisas. Fico muito feliz por você ter gostado, viu?

  • Pâmela Pam

    Ainda não sei como é isso, mas entendo porque meus pais tem 25 anos de casado então é muito tempo juntos.
    Briguinhas sempre tem né? O importante é fazer isso mesmo nunca um ir dormir separado do outro e tentar saber parar, refletir, ver que cada um é diferente e por isso ás vezes bate de frente com a ideia do outro.
    Adorei o texto.
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

    • Kaila

      Não existe casamento perfeito, isso é furada. Um casamento saudável você conquista todos os dias e sempre vai precisar conquistar! <3

    • Kaila

      Dialogo é a melhor coisa, não tem como ter um relacionamento bacana se a gente não sabe conversar. É fundamental! <3

  • Lolla

    Concordo com tudo o que você disse Kaila!Um casamento não é um mar de rosas mesmo, todos nós temos que lidar com uma pessoa diferente, aprender coisas diferentes e viver novas coisas. Que bom que vocês aprenderam a lidar com as diferenças e passar por cima das brigas. Com certeza, muita gente vai conseguir tirar alguma lição!!

    Beijos,
    http://www.rodoviadezenove.com.br

    • Kaila

      Fico muito feliz em poder passar isso para outras pessoas. Acho que as brigas não somem, elas sempre vão persistir, mais se a gente souber como lidar com elas de uma forma bacana, vai ajudar muito no relacionamento. <3

  • Marina

    Minha mãe sempre falou que a gente só conhece a pessoa a partir do momento que começamos a morar com ela. Porque namoro sempre é as mil maravilhas, mas quando começa a conviver diariamente com a pessoa, é que se descobre os defeitos que ela tem de verdade. Morar junto é complicado sim, por isso, é sempre bom ignorar algumas coisas e conversar. Tentar manter a cabeça fria pra não falar besteira.
    Beeijos

    http://www.marinaalessandra.com

    • Kaila

      Realmente, a gente só conhece uma pessoa depois de começar a conviver com ela e sinceramente, acho que nunca vamos conhecer alguém por completo. Sempre vai ter algo que a gente não vai descobrir e sempre vamos descobrir algo a mais do parceiro, é muito bacana essa troca. <3

  • hellz

    Apesar de eu não almejar isso pra minha vida, eu imagino mesmo que um casamento não deve ser algo fácil. São duas pessoas, dois mundos e duas famílias diferentes dispostos e dividir uma mesma casa e vida.

    Tem de se ter amor pra suportar, né?

    beijo
    beinghellz.com

  • Mirelly Darlen

    Que postagem linda, é verdade são duas pessoas diferentes eu e meu marido graças a Deus estamos muito bem e já vai fazer dois anos de casados , contando tudo já vai fazer 5 anos e nunca brigamos muito na verdade não considero que tenhamos brigado agente apenas discute , o bom é que ele é super calmo e como eu sou estressada fica mais fácil porque se fosse os dois ignorantes seria bem mais difícil rsrs. vida a dois é paciência , renuncia e muito amor.

    http://www.cacheandocommirellydarlen.com

  • Silvana Oliveira

    Eu estou prestes a me casar este ano depois de 11 anos de namoro e acredito que não vá mudar muita coisa em nossa relação, pois somos muito parceiros, companheiros, sinceros e amigos acima de tudo. Lógico que uma coisa e se ver e depois cada um voltar para sua casa e depois conviver 24 horas juntos, mas acho que quando há bastante diálogo e compreensão, dá para se ter um bom relacionamento juntos. Vai ter discórdia, sim, mas depois passa 🙂
    Gostei bastante do seu post e da sua sinceridade rsrs

    bjs

    http://www.tpmbasica.com.br
    youtube.com/tpmbasica

    • Kaila

      Fico feliz que tenha gostado! Viver a dois exige muita paciência, são duas pessoas criadas de maneira diferente, com suas manias e seus costumes. Acho que é complicado até se acostumar com isso, depois vai bem.. <3
      Boa sorte nessa nova etapa, desejo muitas energias boas e muitas felicidades a vocês!

  • Mari

    Estou em um relacionamento desde 2010 e nesses 6 anos passamos por muita coisa. No inicio é tudo lindo e maravilho, mas de uma coisa eu tenho certeza: isso fortaleceu mais o relacionamento e hoje somos bem mais confiantes.

    Venham conhecer (e seguir) o meu cantinho e curti a página no Facebook *-*
    Blog: Cantinho da Mari
    Facebook: Cantinho da Mari
    Instagram do blog: @cantiinhodamarii

  • Vânia Ap. Lopes

    Oi Kaila, adore seu post, concordo com tudo o que disse! Um casamento não é um mar de rosas, temos que lidar com uma pessoa diferente, aprendendo a lida com as diferenças um do outro. Que bom que vocês aprenderam a lidar com as diferenças e passar por cima das brigas. Com certeza, seu post vai ajuda muita gente que vai conseguir tirar alguma lição disso tudo! Vim agradecer a visita no meu blog!!! Beijos

    podernasmaos-podernasmaos.blogspot.com.br

    • Kaila

      Own, muito obrigada por esse comentário! Minha intenção é sempre ajudar alguém que está passando pela mesma coisa que nós, já passamos por muitos perrengues e conselhos construtivos são sempre validos. <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *