Não se culpe por abandonar alguns planos: você não é mais a mesma pessoa de ontem

Aos seis anos de idade, queria morar em uma casa na árvore onde eu pudesse brincar em paz com os meus livros, bonecas e ursinhos de pelúcia. Aos oito anos de idade, queria ser professora. Aos doze, veterinária. Oito anos depois percebi que nenhuma dessas três coisas foram concretizadas. Vasculhando minhas memórias percebi que não […]