O conto de fadas chegou ao fim, e agora?

E no silêncio da noite ela gostava de observar as estrelas, ensinar sobre a constelações, das flores que demoram anos para florir e com apenas dois dias morrem, não para qualquer um e sim, para ele. De histórias infinitas surgiu o para sempre deles. Ciclos são construídos, o coração cria laços, o mundo começa a se colorir de uma maneira diferente, mesmo sabendo que um dia o fim pode chegar tão rápido quanto a chegada, sempre preferimos estar na beira do precipício do que sem aquele alguém. Os versos se tornam descartáveis, a rejeição se torna presente, as perguntas começam perturbar nossa mente: devemos insistir no que acabou ou seguir em frente?

Se esquecer fosse tão fácil quanto amar, haveriam menos corações infelizes. Há coisas que fogem do controle, o maior problema não é a partida, é entender que aquele instante chegou ao fim, e eu entendo, não podemos pedir que nosso coração simplesmente pare de amar. Se desacostumar, aceitar que o que antes era presença, agora é ausência, o que antes era amor, agora é só dor, que os planos ficaram para trás e que um novo caminho cruzou nossa existência é desafiador. Por isso, selecionei alguns conselhos para você que está passando por um termino de relacionamentos.

O universo parece se transformar quando entramos em uma relação, alguns fatores começam passar despercebidos bem diante dos nossos olhos, como os caminhos distintos que nossos amigos atravessam, é natural que as pessoas sigam caminhos distintos, se afastam, se aproximam novamente, fazem novas escolhas, entretanto, entre tantas idas e vindas, as reais amizades permanecem, independente do momento que cada ser está vivendo, essas se fazem presentes mesmo com um rápido ”oi” no Whatsapp. Por isso, ao invés de buscar pela solidão, corra atrás da união. Os amigos são aquele colo para nossas quedas emocionais, lembrando que a palavra descreve também nossos familiares. Porém, lembre-se que se reaproximar de alguém somente na necessidade é algo que todos percebem e poucos gostam, sentimos a mesma coisa quando alguma pessoa faz isso conosco, por conta disso, não deixe seus amigos de escanteio, se faça presente, estando um relacionamento ou não.

Fingir estar feliz não é uma boa tática para mandar a tristeza embora, quanto mais você tenta esconder de si mesmo, mas ela se espalha. Por isso, chore se sentir vontade, dance para jogar para o ar a saudade, aproveite este momento para amadurecer e não para entristecer. Não permita que a sua mente seja dominada pelos pensamentos ruins, ao invés disso, se mantenha ocupada fazendo coisas que à muito tempo não eram feitas, como assistir seu filme favorito, renovar sua playlist, explore os novos programas da TV ou simplesmente não faça nada, apenas descanse.

Durante as horas vagas, não corra para as redes sociais do seu ex para se torturar. Ficar dando curtidas, ver quem ele adicionou, imaginar com quem ele está falando ou rever todas as fotos da página não é uma boa solução. Faça e perceba o quanto o dia fica leve quando o olho não se ocupa da vida dos outros, é como uma dieta forçada, que no fim funciona.

Pessoas são companhias passageiras em nossa vida, elas vão embora de todas as formas, quando não decidem ir por conta própria, são levadas pela morte. Só temos a nós mesmos, desde o nascimento até o dia em que não estaremos mais aqui. Por isso, se concentre mais em si mesma. Apenas nós sabemos como são realmente as dores e alegrias que sentimos, os momentos em que somos postos a prova, o real peso dos ombros e principalmente o que é colocado no travesseiro quando vamos dormir. Nós nos mantemos de pé, nossas pernas nem se mexem se não as movermos. Explore as novas oportunidades, cruze novos caminhos, seja quem você é. Não vai saber como será daqui para frente se não estiver disposta a receber os novos caminhos da melhor maneira possível.

50 Replies to “O conto de fadas chegou ao fim, e agora?”

  1. É horrível perder alguém em todas as situações possíveis :/

    Beijos,
    http://www.thalitamaia.com

    1. Sim, perdas são sempre difícil.

  2. Ótimo post, Kaila! Mas ainda acho que o tempo é a melhor cura para isso.

    Beijo!
    Cores do Vício

    1. Sim, com algumas atitudes e com o tempo essas feridas se cicatrizam.

  3. Lindas palavras! Beijos
    http://encantosdasil.com/

    1. Obrigada Sil! ❤

  4. Tempo sempre é a solução, é terrível perder alguém de qualquer maneira, mas tudo tem um porque e as vezes isso vai servir como uma lição!

    Beijos
    Blog Lua Soares

    1. Os percursos da nossa vida não são escolhidos por nós, basta tentar viver e agir diante dessas situações da melhor maneira possível.

  5. Kailaaa! vc arrasa demias!!
    Tempo ao tempo… ♥
    beijos
    http://www.tatycamposblog.com/

    1. Muito obrigada Taty! ❤

  6. “Se esquecer fosse tão fácil quanto amar, haveriam menos corações infelizes.” achei essa frase mais verdadeira impossível!
    Despedidas são sempre tristes, é péssimo quando alguém sai da nossa vida 🙁
    O jeito é se distrair com coisas que nos faça bem e seguir o baile, por mais difícil que seja.
    E o tempo é o melhor remédio, pode parecer que a tristeza vai durar pra sempre, mas depois passa e tudo se ajeita.
    Gostei do post 🙂

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    1. Sim, as feridas não ficam abertas para sempre, precisamos esperar pelo amanhã e pelas novas oportunidades.

  7. ótimo post Kaila, inspirador =)
    ♡ Blog da Ju ♡
    Beijoos!!!

    1. Que bom que gostou Ju, fico muito feliz!

  8. Sempre penso, se não deu certo é porque não era pra ser. bom post Kaila … se o conto acabou é porque não tinha sido escrito no momento é com o “autor” certo … uma hora vai. Agora o que disse é tudo, não finja nunca, isso pode ser bem mais mal do que gente imagina!
    beijos

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br

    1. Sim, precisamos lidar com essas situações de frente, adiar ou fingir que não está acontecendo é o pior caminho.

  9. é muito ruim né? Perder alguém que gostamos. Mas temos que seguir a nossa vida, como você disse, as pessoas são passageiras em nossas vidas :/ beijos
    http://www.blogbelezamake.com

  10. Eu amei seu post, me lembrei de quando terminei com meu ex namorado e eu fiquei muito mal. Mas com o tempo (melhor remédio que temos), amadureci e entendi que a gente nunca daria 100% certo, aprendi a me valorizar, me amar e ficar mais tempo com minha família, que as fases difíceis passam e dias felizes logo chegam. ^^
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    1. Essas lições são tão importantes, amadurecemos muito! Fico feliz por você ter gostado, viu? ❤

  11. Olá Kaila
    Mais um texto excelente, reflexivo e que vai ajudar muitas pessoas.
    Eu costumo dizer que: deu certo pelo tempo que tinha que dar. Vida que segue.
    Acho importante a companhia da família, dos amigos e como vc disse: de si mesma, porque a única pessoa que teremos até o final somos nós mesmas.
    E siiiiim é importante chorar e ficar triste um período, para fechar o ciclo, e então abrir o coração para o novo.
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    1. Muito obrigada Luli, essas chegadas e partidas são essenciais para sermos melhores, para aprender e amadurecer.

  12. Muito bom o post Kaila. Não adianta fingir uma felicidade e uma realização que não existem. O melhor mesmo é seguir em frente e partir para outra. Beijo, beijo :*

    1. Sem dúvida Ca! Fico feliz por você ter gostado. ❤

  13. Realmente, precisamos nos concentrar em nós mesmos! O melhor remédio é o tempo, o tempo cura tudo, é certo que deixará sequelas, porque não somos como memorias de celulares, que só apagar que acabou.
    Um beijo grande e muito GORDO
    http://thaissgalbiero.blogspot.com.br/

    1. Fico muito feliz por você ter gostado Thais! ❤

  14. Que coisa mais linda!
    Lindo o texto. Gostei muitoooooooo!
    Arrasou.
    Fez refletir sobre tantas coisas.
    Sobre perda, tristezas, planos desfeitos…

    Beijoooos

    http://www.casosacasoselivros.com
    http://www.livrosdateca.com

    1. Fico muito feliz por você ter gostado, viu? ❤

  15. Falou tudo no parágrafo final, só nós sabemos o peso do que pensamos e sentimos. Principalmente à noite antes de dormir.

    Zíper Chique

    1. Pois é Vânia, não conhecemos ninguém verdadeiramente. Só quem sabe o que cada um passa, é a pessoa mesmo.

  16. Kaila é muito ruim perder alguém parece que fica faltando algo, mas o tempo sara, uma ótima reflexão para nós, bjs,
    http://www.lucimarmoreira.com/

    1. E como é Lu, fico feliz por você ter gostado! ❤

  17. Linda reflexão. Aceitar que as pessoas vão embora de nossas vidas de uma maneira ou de outra, é um dos passos para se viver bem. Tenha um dia abençoado, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    1. Fico muito feliz por você ter gostado Paula!

  18. Que texto lindo! Infelizmente tudo chega ao seu fim e e não é fácil. E isso de não entrar nas redes sociais do ex é difícil, né? Rsrs.

    Beijos.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    1. Fico muito, muito feliz por você ter gostado Anete! ❤

  19. Caiu um cisco no meu olho enquanto eu lia seu texto!
    Que texto lindo e com muitas verdades, somos somente de nós mesmos desde o dia que nascemos. Não podemos controlar nada e nem manter as pessoas que amamos perto de nós, e se fizer essa “dieta forçada” nos acostumamos depois e conseguimos sim viver melhor.

    Beijocas.
    http://www.meumundosecreto.com.br

    1. Sei que nem sempre lágrimas são bom, mas fiquei tão feliz em saber que lhe causei isso, porque de alguma forma minhas palavras cruzaram sua vida pelo motivo certo, para de alguma forma escrever o que você precisava ler. Obrigada, obrigada!

  20. Ótima reflexão, e tem razão, hoje em dia as redes sociais fazem as pessoas ficarem remoendo demais as coisas, e isso só piora…

    Beijos
    Mari Dahrug
    https://www.rabiskos.com.br/

    1. Fico muito feliz por você ter gostado Mari!

  21. Ótimo post. Eu sempre levo aquela frase comigo, “cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é..”

    Beijos

  22. Amei as dicas, Kaila. E me sinto feliz por ver que, no fim do meu último término, fiz tudo isso. Fiquei mais presente para os amigos, mesmo eu não sendo assim nunca, solteira ou namorando, mas queria muito a companhia deles, não para não me sentir sozinha, mas porque eu gosto da companhia deles, como também gosto de estar sozinha. Eu senti e vivi o luto, deixei a dor vir a tona, e quando não sentia mais nada, eu sorri. Fui feliz! Algo que eu não fiz, de jeito nenhum, foi procurar as coisas dele, pelo contrário, quem me procurou foi ele, e o que fiz? Apenas IGNOREI, pois sabia que não me faria nada bem manter contato, não no momento em que ele procurou.

    Beijos,
    Blog Gaby Dahmer

    1. Fico muito feliz por você ter gostado e se identificado, infelizmente não são todas as histórias que terminam de uma forma saudável, mas se aquilo aconteceu é porque deveria ter acontecido.

  23. Perder alguém é sempre traumático, criamos defesas e ficamos mais fortes, os amigos são um big help.
    xoxo

    marisascloset.blogspot.com

    1. E como são! ❤

  24. Adorei este texto. Sei que esta frase é repetida, cada vez que leio os teus textos. É sempre difícil perder alguém e também o é, quando temos de decidir se queremos perder ou não. Mas por vezes perde-se alguém mas reencontramos a nossa verdadeira essência. um bj enome miúda gira

    1. Fico muito feliz em saber que você gosta da minha escrita, Claudia. Obrigada! ❤

  25. César Augusto says: Responder

    Quanta inspiração, é disso que o mundo precisa mais pessoas com uma energia positiva como a sua. Amei seu post e apreendi muito com ele.

    1. Fico muito feliz por ter gostado! ❤

Deixe uma resposta